signos-no-amor

Conforme vamos crescendo e nos desenvolvendo, percebemos a importância das relações e como é bom compartilhar com o outro a vida. O amor é um sentimento que nos coloca diretamente em conexão com a nossa energia que pulsa, com a beleza que é estarmos vivos e com a nossa parte que só se reconhece através da experiência com o outro.

A Sinastria Amorosa é um assunto que desperta muita curiosidade entre os apaixonados por astrologia, pois analisa a potência do encontro entre os mapas de um casal.

Essa é uma técnica que estuda a combinação entre dois ou mais Mapas, dependendo da quantidade de pessoas envolvidas na análise e nos mostra as conexões e inter-relações.

Nessa análise, o Mapa Astral de uma das pessoas será estudado sobre o Mapa Astral da outra e a partir daí serão observadas as combinações, conexões e também os pontos desafiadores.

No amor temos uma das maiores trocas energéticas. São elas que fazem com que uma pessoa se sinta atraída e deseje se unir a outra.

Com o estudo da Sinastria Amorosa para casal, podemos entender como a relação com o outro acontece, qual a potência desse encontro, quais as zonas de crescimento e criatividade entre o casal e também quais as áreas irão demandar maior atenção e trabalho, para que a relação flua de maneira harmoniosa.

Para que seja feito o estudo da Sinastria Amorosa é primordial a análise de alguns planetas nos Mapas dos envolvidos (Lua, Vênus, Marte e Lilith), das Casas Astrológicas 5 e 7 e dos aspectos que mostram como os planetas dos Mapas analisados interagem entre si.

Com essa leitura você vai entender melhor como essa técnica funciona e de que forma ela pode facilitar uma relação amorosa.

Lembrando que é fundamental conhecer a si e seu próprio Mapa antes de tentar entender o universo do outro. A bússola do amor é o autoconhecimento.

Encomende o seu Mapa Astral Completo

E se você pudesse conhecer e compreender melhor as suas potências e desafios, podendo explorar seus talentos e desenvolver aspectos não tão fluentes da sua personalidade? O seu Mapa Astral traz tudo isso e muito mais…
De R$353 por R$99,90

A Lua na Sinastria

Acolhimento e nutrição

A Lua é acolhimento, nutrição, lar e envolvimento. Nossas expressões emocionais são determinadas por ela, pelo signo e setor onde está localizada no Mapa. Representa o que nos toca emocionalmente, como
expressamos o que sentimos e as nossas necessidades emocionais.

Na Sinastria, observar a posição da Lua no cruzamento dos Mapas possibilita o entendimento de onde ocorre a criação do vínculo, a vontade de permanecer com a outra pessoa, de cuidar dela e receber todo o alimento e preenchimento emocional que buscamos para nos sentir amados.

A Vênus na Sinastria

Atração e parceria

Na astrologia, Vênus é o planeta que representa a força dos encontros, as motivações que fazem com que a gente se sinta atraído por determinada pessoa, o que é essencial para o relacionamento acontecer e até mesmo para que ele seja duradouro. É a parceria no aspecto mais profundo do encontro.

Observar onde a Vênus está localizada na Sinastria nos faz entender como acontece a “liga” entre o casal e qual a melhor forma de alimentar a relação.

Além disso, nessa área onde ela está localizada, somos acolhedores e sentimos que a vida do casal ganha combustível e confiança para seguir adiante.

Marte na Sinastria

A força da atração

Marte representa a energia masculina, a força e a coragem, o impulso da sexualidade. O signo onde Marte está localizado aponta como e onde manifestamos energia, o desejo que pulsa e o que nos faz sermos atraídos pelo o outro, assim como a química que mantém a relação.

É o planeta que simboliza a expressão genuína, os impulsos que vêm do coração.

Onde temos Marte conquistamos autoafirmação, temos iniciativa e garantimos a individualidade, que é tão importante de se manter numa relação a dois. Somos impulsionados pela paixão, mas sem nos perdermos de nós mesmos.

As conexões entre Marte e Vênus são complementares na medida que, a partir delas, conseguimos entender o que nos liga e nos mantém conectados um ao outro.

No Mapa da Sinastria Amorosa, a localização de Marte vai apontar como despertamos e temos o impulso que nos atrai até o outro e como manter a paixão acesa.

Lilith na Sinastria

A libido e os desafios do desamparo

A Lilith é um ponto virtual no Mapa que representa a atração, mas aqui o que motiva a atração são os desejos sexuais e libidinais ocultos, tão reprimidos diante dos tabus.

As forças envolvidas nessa atração estão para além do controle das partes.

Por tratar de questões inconscientes e dos desejos reprimidos, a localização e os aspectos formados pela Lilith na Sinastria requerem bastante atenção, visto que nesses pontos a pessoa pode vivenciar a submissão ou não dentro da relação por inibição dos próprios desejos.

O sentimento de desamparo também costuma ser vivenciado nesse setor do Mapa como fruto de um não acolhimento das vontades essenciais dentro de uma relação, podendo provocar as separações. Compreendendo o outro podemos acolher o que desampara.

Assista: A Sexualidade no Mapa Astral

Onde a paixão e a parceria de manifestam:

Casa 7 – A escolha

Similar à energia do Planeta Vênus, a Casa 7 é relacionada às parcerias, aos compromissos, ao casamento.

Oposta à Casa 1, onde construímos nossa personalidade e aprendemos a agir no mundo com base nesse estilo próprio, a Casa 7 é a casa do descendente, onde buscamos no outro características que estão na nossa sombra e aprendemos, com essa outra pessoa e na arte de se relacionar com ela, a sermos cada vez mais nós mesmos.

É a escolha do que é fundamental em uma pessoa para estarmos com ela, a atração que desperta em nós. Uma complementação do que falta em nós.

Na casa 7 desenvolvemos ainda mais o nosso EU, aprendemos que há um outro que também tem suas particularidades e percebemos a importância que é se relacionar e ter a consciência de um nós.

Na Sinastria podemos observar, através dos aspectos, como interagimos com esse setor da vida do outro e a melhor forma de criar um vínculo mais duradouro nessa parceria.

Casa 5 – A arte de se apaixonar

A Casa 5 é um setor do Mapa associado aos assuntos do coração, a criatividade e aos filhos. Nesta Casa somos vibrantes, aprendemos a reconhecer nosso próprio valor, nos abrimos para as paixões, descobrimos e usufruímos do prazer.

O signo e os planetas localizados nessa Casa darão o tom de como a pessoa vive as paixões na sua vida e o que faz com que ela se apaixone.

Na Sinastria podemos observar, através dos aspectos, o que faz a outra pessoa se apaixonar e como manter a paixão vibrante e intensa durante o tempo.

Assista ao vídeo: O que as Casas Astrológicas dizem sobre mim?

Aspectos astrológicos na Sinastria

As conexões dos Mapas

Outro ponto de extrema importância na análise de uma Sinastria é o encontro na mesma posição entre os planetas dos Mapas sob estudo.

A conjunção entre um planeta do Mapa de uma pessoa com um planeta do Mapa da outra é indicativo da similaridade de uma energia muito particular para esse casal, dando o tom do encontro.

Exemplo: Conjunção entre Lua e Vênus – há um grande acolhimento, vontade de estar junto, uma intimidade que faz parecer que essas pessoas já se conheciam há um tempo, e muito estímulo da libido.

Já oposição entre os planetas no cruzamento dos Mapas indica que ali naquele setor existe uma complementação de energias. Os demais aspectos também serão analisados, indicando a dinâmica da relação.

Interatividade – as trocas de energias:

Outra forma de analisar a afinidade do casal e como acontece ou não a troca de energia entre eles é através da interação entre os elementos e modalidades dos signos onde estão localizados os astros e principais pontos do mapa, como por exemplo, o ascendente.

O grau de interatividade é avaliado pelo o cruzamento entre os elementos e modalidades desses pontos. Havendo trocas fluidas, elas fornecerão reservas para que o casal possa lidar melhor com a relação e até mesmo se nutrir para enfrentar os desafios nas áreas que exigem mais cuidado.

As interações podem acontecer por semelhança, por complementaridade e por diferença. Nesse último caso, há maior possibilidade de ruídos entre o casal.

Vale ressaltar que não há uma melhor combinação e, até mesmo nos casos de semelhança, o casal poderá “bater de frente”.

O melhor signo para se relacionar existe?

Uma pergunta muito frequente feita pelos amantes de astrologia é sobre qual seria o melhor signo para se relacionar.

Devemos atentar para o fato de que somos uma mistura de todos os signos, tendo todos eles em nosso Mapa apontando a energia que se manifesta em cada setor de nossa vida. E assim também é a pessoa que atraímos, uma mistura de todos os signos.

Então, não há o melhor signo para nos relacionarmos. O que vai determinar uma melhor fluência e potencialidade da relação são, para além das energias envolvidas entre os Mapas, a vontade das partes de querer fazer a relação dar certo.

A Sinastria Amorosa, como visto, envolve muito mais do que a simples análise de compatibilidade entre signos. São todas as interações feitas ao se analisar um Mapa sobre o outro e, a partir disso, direcionar o caminho para dilatar a potência do encontro.

Saiba mais: Combinação dos Signos – Amor e Astrologia

Agora que você já conhece mais sobre a Sinastria, e o quanto ela pode te ajudar a viver seu relacionamento com mais potência e qualidade, que tal fazer a combinação de signos e conferir dicas para a sua relação prosperar e ser cada vez mais leve?




Encomende o seu Mapa Astral Completo

E se você pudesse conhecer e compreender melhor as suas potências e desafios, podendo explorar seus talentos e desenvolver aspectos não tão fluentes da sua personalidade? O seu Mapa Astral traz tudo isso e muito mais…

Destaques do Blog

Ver todos