Guia completo dos Signos

O que são signos?

O Zodíaco é uma faixa de 18º, 9º ao Norte e 9º ao Sul da eclíptica (projeção da trajetória do Sol sobre a esfera celeste, observada a partir da Terra), formada pelas constelações zodiacais. Os signos são o produto da divisão dessa elipse em 12 partes iguais, com 30º cada.

São eles: Áries, Touro, Gêmeos, Câncer, Leão, Virgem, Libra, Escorpião, Sagitário, Capricórnio, Aquário e Peixes. Durante um ano, o Sol ilumina uma constelação por vez, marcando o período de cada signo.

O signo solar fala muito sobre a nossa personalidade e essência, dando várias pistas sobre nós, mas é pela análise de todos os signos no nosso Mapa Astral que conseguimos realmente entender as nossas características em todas as áreas da vida.

No método Astrologia Luz & Sombra, criado por Emma Costet de Mascheville (Dona Emmy) e ensinado pela astróloga Cláudia Lisboa, um signo é a pura energia e a luz manifestadas no espectro com diferentes frequências.

Horóscopo do dia: leia o horóscopo de hoje para os signos aqui!

Encomende o seu Mapa Astral Completo

E se você pudesse conhecer e compreender melhor as suas potências e desafios, podendo explorar seus talentos e desenvolver aspectos não tão fluentes da sua personalidade? O seu Mapa Astral traz tudo isso e muito mais…
De R$353 por R$99,90

O Zodíaco: espectro da energia vital

A organização do Zodíaco se dá:

  • Por polaridades
  • Por elementos
  • Por modalidades
  • Por signos

Polaridades dos signos

Signos ativos – yang  (Fogo e Ar): manifestam-se de dentro para fora e são dinâmicos e de ação, falando da objetividade da vida.

Signos receptivos – yin (Água e Terra): manifestam-se de fora para dentro e são os que recebem e introjetam, trabalhando com a paciência, o olhar subjetivo e a aceitação.

Elementos dos signos

Elemento Fogo

Signos: Áries, Leão e Sagitário

Casas: 1, 5 e 9

Oposto e complementar: Ar

Palavras-chave: calor, vitalidade, ação, impulsividade, agressividade, impaciência, liderança, orgulho, egocentrismo, impetuosidade, conflitos, brilho e independência.

Simboliza a vontade de viver, intensidade, alegria, ousadia e coragem para enfrentar os desafios da vida. Muitas vezes explosiva, a força do Fogo permite encarar os fatos mais duros com bravura. Sua natureza é constituída por tensões, vigílias, forças e riscos. Esse elemento representa, também, o exercício da vontade e a conquista da liberdade.

Elemento Ar

Signos: Gêmeos, Libra e Aquário

Casas: 3, 7 e 11

Oposto e complementar: Fogo

Palavras-chave: pensamentos, cooperação, interação, inteligência, comunicação, movimento, racionalidade, trocas, sociabilidade, instabilidade, dispersão, dependência e curiosidade.

Simboliza a linguagem, a capacidade de pensar, estabelecer relações, gerar ideias e refletir sobre o mundo. O Ar fala de participação, colaboração, liberdade, respeito pelas diferenças e consciência de comunidade. Sua natureza enxerga o outro e traz a reflexão antes de tomar decisões, cedendo e saindo do egoísmo. Representa a potência dos encontros.

Elemento Terra

Signos: Touro, Virgem e Capricórnio

Casas: 2, 6 e 10

Oposto e complementar: Água

Palavras-chave: sensações, materialidade, estabilidade, perseverança, apego, pragmatismo, praticidade, segurança, obstinação, teimosia, produtividade, organização e limites.

Simboliza a materialidade, estabilidade, segurança, produtividade, trabalho, consciência de limites e experimentação das coisas por meio das sensações. A Terra fala do universo das certezas, do que é palpável ou mensurável, do comportamento prático e do temperamento pragmático. Sua natureza realista, firme e ordenada transforma os desejos em realidade.

Elemento Água

Signos: Câncer, Escorpião e Peixes

Casas: 4, 8 e 12

Oposto e complementar: Terra

Palavras-chave: sensibilidade, intuição, introspecção, carência, melancolia, emoção, contemplação, fantasia, inspiração, suscetibilidade, maleabilidade, profundidade e subjetividade.

Simboliza tudo o que nos devolve a ancestralidade, mas que marca a alma no presente. A Água fala de sensibilidade, sonhos, emoções, intuição, profundidade, subjetividade e silêncio. Sua natureza faz com que muitas vezes absorva o clima e a energia do ambiente, virando uma esponja emocional, que pode limpar e curar mas também se intoxicar.

Dica: o elemento do nosso Sol é o que nos traz vitalidade. Quando estiver em um momento de desequilíbrio, olhe para o seu signo solar, veja como o elemento dele pode te trazer força e se conecte!

Modalidades dos signos

Os Elementos, dentro da Astrologia, podem se manifestar de 3 maneiras diferentes. Temos então os signos Cardinais, Fixos e Mutáveis. Assim, dividimos os 4 Elementos em:

  • Fogo: 3 tipos de signos
  • Ar: 3 tipos de signos
  • Terra: 3 tipos de signos
  • Água: 3 tipos de signos

CARDINAIS: Áries, Capricórnio, Libra e Câncer

Os Cardinais têm como principal característica a impulsividade. São os signos dos solstícios e equinócios, ou seja, do início das estações. Representam os novos ciclos e a força que chega com eles, trazendo vigor e disposição. Simbolizam o rompimento com o estado de inércia, o movimento e o impulso para recomeçar depois de uma fase concluída.

Quando o signo Cardinal é de Fogo, há impulso para agir segundo a própria vontade (Áries). Quando é de Terra, há impulso para o trabalho (Capricórnio). Quando é de Ar, o impulso é gerador dos encontros (Libra). Quando é de Água, o impulso é afetivo e de cuidar do outro (Câncer).

FIXOS: Touro, Escorpião, Aquário e Leão

Os Fixos têm como principal característica a perseverança. São os signos do meio das estações, quando elas se estabilizam, marcando presença. Por isso, sua natureza é cheia de vigor. Representam a estabilidade e a segurança, com o desejo de ter tudo sob controle. Simbolizam o papel de manutenção do que foi criado e dos ciclos iniciados que terão fim.

Quando o signo Fixo é de Fogo, existe firmeza associada às atitudes (Leão). Quando é de Terra, há determinação e execução das tarefas (Touro). Quando é de Ar, as ideias são consistentes e firmes (Aquário). Quando é de Água, há domínio e determinação nas emoções (Escorpião).

MUTÁVEIS: Gêmeos, Virgem, Sagitário e Peixes

Os Mutáveis têm como principal característica a maleabilidade. São os signos de transição, equivalentes ao fim das estações, fechando o ciclo cardinal. Sua natureza é adaptável e inquieta, possuindo múltiplos desejos e mudando de interesse facilmente. Representam as saídas para os problemas, como portas que se abrem e apontam para novos caminhos.

Quando o signo Mutável é de Fogo, as diversas possibilidades aparecem no campo criativo (Sagitário). Quando é de Terra, as transformações têm relação com o trabalho (Virgem). Quando é de Ar, o pensamento é adaptável (Gêmeos). Quando é de Água, os sentimentos variam e são mais instáveis (Peixes).

Datas dos signos

  • Áries: 21 de Março a 20 de Abril
  • Touro: 21 de Abril a 20 de Maio
  • Gêmeos: 21 de Maio a 20 de Junho
  • Câncer: 21 de Junho a 22 de Julho
  • Leão: 23 de Julho a 22 de Agosto
  • Virgem: 23 de Agosto a 22 de Setembro
  • Libra: 23 de Setembro a 22 de Outubro
  • Escorpião: 23 de Outubro a 21 de Novembro
  • Sagitário: 22 de Novembro a 21 de Dezembro
  • Capricórnio: 22 de Dezembro a 20 de Janeiro
  • Aquário: 21 de Janeiro a 19 de Fevereiro
  • Peixes: 20 de Fevereiro a 20 de Março

Características dos signos

Na Astrologia Luz e Sombra, dividimos os signos por eixos, ou seja, as virtudes de um signo dependem das virtudes do signo oposto e complementar (e vice-versa). Esse conceito dado pela astróloga Emma Costet de Mascheville, conhecida como Dona Emmy, foi herdado por Cláudia Lisboa.

Na mandala dos signos existe um eixo e, quando nascemos, o Sol está iluminando um lado dela com ênfase no signo solar… Consequentemente, o planeta Terra faz sombra no outro lado, ou seja, no signo oposto, transformando-o em complementar do signo iluminado pelo sol.

Em suma, as características do nosso signo solar são as nossas potências, aquelas qualidades evidentes que temos. Já as virtudes dos signos que estão no lado sombra são aquelas que devemos iluminar para acessar a nossa melhor versão. Assim, é uma oposição que gera complementaridade.

A busca pelas qualidades do signo oposto é interna, já que somos um ser cósmico e completo. O Zodíaco inteiro está dentro de nós, pronto para ser acessado e integrado. Não é sobre seguir menos a sua própria natureza, pois você veio assim ao mundo por uma razão, mas aprender novas habilidades para se equilibrar no dia a dia!

Áries: espontaneidade e liderança

Primeiro do Zodíaco, o signo de Áries dá início ao Ano-Novo astrológico. Nascendo de Peixes, com o despertar da Primavera, é representado pelo carneiro. Signo do Equinócio, está intimamente conectado ao nascer da vida, ao vigor e à força vital.

Carrega em si a bravura desse animal, que usa a própria cabeça para enfrentar as adversidades, e é daí que vem uma das suas mais famosas características: ser cabeça dura. Tem o dom de encabeçar, mas também de bater de frente quando contrariado.

Áries fala da vida como uma trajetória heróica, em que tudo deve ser encarado de frente e com bravura. Não existe meio termo, mas muita intensidade, independência e uma vontade imediata de ver e fazer acontecer.

Arianos e arianas se fazem ouvir, lideram e lutam pelos seus desejos. Quando se sentem ameaçados, podem entrar em conflito. Simbolizam a infância, por isso, sua espontaneidade é quase infantil, há impulsividade e ousadia ao tomar decisões.

Áries é o brotar da vida após um longo tempo de hibernação, o anúncio de um começo de ciclo, com novas ideias e esperanças renovadas. Assim, os arianos e as casas e planetas associados a eles não têm interesse em poupar energia, mas sim liberá-la.

SignoÁries
ElementoFogo
ModalidadeCardinal
Planeta regenteMarte
Casa associada1
Símbolo zodiacalCarneiro
Regência do corpoCabeça e cérebro
Signo oposto e complementarLibra
Signos do mesmo elementoLeão e Sagitário
Signos da mesma triplicidadeCâncer, Libra e Capricórnio
MitoO carneiro do tosão de ouro
Características de personalidadeAção, assertividade, atitude, coragem, decisão, entusiasmo, excitação, independência, iniciativa, liderança, impaciência, agressividade, senso competitivo, individualismo, pressa

Libra: justiça e diplomacia

O signo de Libra é o único do Zodíaco representado por um objeto, a balança de dois pratos, símbolo da justiça, associada às forças opostas: o “eu” e o “outro”. Para ser justo(a), é preciso ser imparcial. Ambos os lados devem ser ouvidos, pesados e medidos.

Esse signo se coloca no lugar das pessoas e enxerga todos os pontos de vista. O equilíbrio entre a individualidade e as trocas é seu centro vital, mas sua energia não está relacionada ao equilíbrio em si, e sim o esforço para alcançá-lo. A busca pela harmonia é constante.

Assim como seu oposto e complementar Áries, Libra é um signo do Equinócio, mas se associa ao Outono no hemisfério Sul. Se em Áries devemos ser nós mesmos, em Libra é preciso aceitar e respeitar o outro com todas as suas particularidades.

Há desejo de autocontrole dos impulsos e do que não está na ordem da razão. O amor ao belo e à estética são pontos importantes para librianos e librianas, não havendo nada mais lindo que tudo funcionando com muita harmonia e ética. O outro é o canal de manifestação da sua vontade.

A energia libriana fala sobre se aperfeiçoar para potencializar as relações, contemplando o outro. É a cooperação, a relevância da união e de estar junto. Libra e as casas associadas se expressam com firmeza e racionalidade, entendendo a riqueza de partilhar a vida. 

Signo Libra
ElementoAr
ModalidadeCardinal
Planeta regenteVênus
Casa associada7
Símbolo zodiacalBalança
Regência do corpoRins, aparelho urinário, coluna lombar, ovários
Signo oposto e complementarÁries
Signos do mesmo elementoGêmeos e Aquário
Signos da mesma triplicidadeCâncer, Libra e Capricórnio
MitoA balança de Astreia
CaracterísticasDiplomacia, senso estético, imparcialidade, justiça, persuasão, harmonia, ponderação, reflexão, intermediação, indecisão, afetividade, instabilidade, tolerância, dependência, cooperação

Eixo da Força Criadora – Áries e Libra: a ação ponderada

Áries e Libra são signos opostos e complementares, formando o Eixo da Força Criadora. Enquanto Áries impulsiona para a ação e vai em busca dos desejos, Libra ativa a ponderação e o que leva a refletir antes de agir.

Por haver uma tendência à impulsividade, é interessante que os arianos(as) exercitem a ponderação, característica de Libra. Assim, aprendem a se acalmar em situações tensas, evitando conflitos que não levam a lugar nenhum e guardando energia para o que importa.

Já as indecisões de Libra podem ser equilibradas com a coragem de Áries, exercitando ter força de ação. Além disso, ceder facilmente pode aniquilar a vontade própria, depositando nas relações o que é só seu, precisando aprender a pensar mais em si e se impor.

Portanto, a sombra de Libra é a ação e a de Áries a ponderação! O equilíbrio se dá quando a vontade de ambos os lados é expressa e considerada e, mesmo que algo não esteja esteticamente perfeito, ainda assim pode estar funcionando perfeitamente bem.

Touro: recursos e materialidade

Ao observar o Zodíaco, é interessante notar que cada signo desencadeia em outro. Se em Áries temos o nascer da vida, em Touro precisamos nutri-la para que ela possa se materializar nos nossos corpos e necessidades materiais. É o acumular e incorporar.

Sua representação gráfica, o chifre do touro, faz referência à fecundidade e à abundância. Além disso, simboliza a força física, indicando a resistência diante das duras tarefas da vida. A energia desse signo ensina uma linda lição de paciência e força de vontade.

O signo de Touro é traduzido no empreendedor obstinado que, apesar do temperamento passivo, dificilmente dispensa trabalho. Sua capacidade de colocar a mão na massa é incomparável, trazendo a energia de economia e materialização. Assumir riscos não é seu forte.

Taurinos(as) costumam ser céticos, teimosos, práticos, perseverantes, objetivos e apegados às próprias crenças, pessoas queridas, relações e coisas materiais. Curtem ficar na zona de conforto e têm necessidade de conexão com os prazeres da vida. Com a tendência ao apego, precisam tomar cuidado para não se tornarem escravos dos próprios desejos.

Regido por Vênus, o signo exala charme e sensualidade. Seu prazer está muito conectado aos cinco sentidos: tocar texturas, sentir cheiros e gostos, ouvir sons e enxergar cores. Para Touro tudo está, de alguma forma, relacionado ao trabalho, até mesmo o afeto. Prezam pela manutenção das relações, buscando estabilidade, segurança emocional e tranquilidade.

SignoTouro
ElementoTerra
Modalidade Fixa
Planeta regente Vênus
Casa associada 2
Símbolo zodiacalTouro
Regência do corpoPescoço, garganta, sistema endócrino e coluna cervical
Signo oposto e complementarEscorpião
Signos do mesmo elementoVirgem e Capricórnio
Signos da mesma triplicidadeLeão, Escorpião e Aquário
MitoO rapto de Europa
CaracterísticasPerseverança, determinação, estabilidade, paciência, produtividade, resistência, segurança, sensualidade, trabalho, materialidade, empreendedorismo, força física, apego, teimosia, solidez, concretude, obstinação

Escorpião: transformação e regeneração

Signo de conteúdos tidos pela sociedade como tabus, Escorpião fala de sexualidade, morte e transformação. Assim, sabe que a vida é feita de ciclos, com início, meio e fim. Associado às profundezas e ao renascimento, simboliza os mistérios do universo e as forças ocultas.

São comuns as analogias entre o signo de Escorpião e a fênix, um pássaro mitológico que é consumido pelo fogo e renasce das cinzas. Seu poder de regeneração e transmutação é imenso e sua transformação acontece por meio da alquimia interior.

Esse é o signo da não matéria, que também traz a potência do nosso psiquismo e das profundezas da alma. Mobiliza forças poderosas, capazes de se metamorfosear, enterrando o velho e abrindo espaço para o novo. Aqui, o que é superficial se torna desinteressante.

Intensos, profundos, misteriosos, intuitivos e sensíveis, escorpianos(as) costumam ter que lidar com pressão interna, angústias e um impressionante poder de mutação. Purificam-se por meio da destilação do veneno que surge quando cutucam mentalmente a ferida para curar. No final desses processos, emergem transformados e mais fortes.

Escorpião também simboliza a força erótica criadora da vida, o instinto que a gera e que a mantém sobre a Terra. Outra característica típica é seu poder de sedução e sua habilidade de manejar bem os sentimentos na dualidade, tanto na criação quanto na “destruição”.

SignoEscorpião
Elemento Água
ModalidadeFixa
Planeta regentePlutão e Marte
Casa associada8
Símbolo zodiacal Escorpião
Regência do corpoIntestino grosso, órgão sexuais, ânus, bexiga, pélvis, vesícula biliar, baço, testículos, próstata e ovários
Signo oposto e complementarTouro
Signos do mesmo elementoCâncer e Peixes
Signo da mesma triplicidadeTouro, Leão e Aquário
MitoA morte de Órion
CaracterísticasTransformação, controle, autossuficiência, poder regenerativo, intensidade, honestidade, intuição, eficiência, paixão, tenacidade, receptividade

Eixo da Força da Matéria Criada – Touro e Escorpião: afetividade e renovação

Touro e Escorpião são signos opostos e complementares, formando o Eixo da Força da Matéria Criada, também conhecido como eixo da sexualidade.

A energia taurina representa a materialização da nossa perseverança e do nosso trabalho, enquanto a energia escorpiana simboliza as transformações profundas que nos levam à transmutação e ao desapego.

Escorpião pode exercer seu poder e sua função transformadora consigo e com os outros, aprendendo a se apropriar da doçura e da afetividade taurinas. Além disso, deve deixar que as emoções fluam mais, sem ser tão ditador diante das crenças e sentimentos.

Querer controlar tudo o tempo inteiro, como escorpianos(as) tendem a fazer, leva apenas à falta de controle e uma possível autodestruição. Por isso, exercitar o instinto de preservação taurino será muito vantajoso na sua caminhada evolutiva.

Já Touro pode desenvolver mais o desapego ao se conectar com a energia escorpiana. Assim, evita se tornar refém dos desejos no campo da materialidade. Ainda, aprende a aceitar que o luto, os términos e as separações são, muitas vezes, inevitáveis… E dolorosos, mas libertadores, já que abrem espaço para o novo chegar.

Gêmeos: comunicação e trocas

Em Áries, existimos e vivemos no mundo. Em Touro, sobrevivemos e lidamos com a materialidade, ou seja, onde morar, nosso sustento, etc. Em Gêmeos, entendemos que não conseguimos produzir tudo, então precisamos do escambo, da troca.

A energia geminiana é dual e simboliza o amor fraterno, a divisão, o intercâmbio e a comunicação. O próprio símbolo gráfico do signo de Gêmeos, representado pelo algarismo romano II, evidencia suas polaridades. Para ele, tudo é temporário, efêmero e mutável.

Gêmeos se associa à linguagem, entendida como a forma mais orgânica de troca. Pela sua ótica, não há como sobreviver no mundo sem interagir com os semelhantes. Há uma necessidade de traduzir suas vivências em palavras e dialogar, por isso a fama de tagarela.

São pessoas leves, adaptáveis, múltiplas e versáteis. Tendem, no entanto, à procrastinação e indecisão, pois a repetição entedia. Precisam de movimento. Tudo é motivo de interesse, que muda constantemente, causando inquietação e dispersão. A capacidade de executar várias tarefas ao mesmo tempo é imensa e a diversidade é natural, já que o sentido da vida para um geminiano(a) está na curiosidade, sempre havendo algo novo a ser aprendido.

Gêmeos é generalista. Afinal, como chegar ao fundo sem passar pela superfície? Nada envelhece, tudo muda. A brisa geminiana é capaz de renovar o clima dos ambientes. As casas e os planetas nesse signo também se mostram de maneira plural, variável e flexível.

SignoGêmeos
Elemento Ar
ModalidadeMutável
RegenteMercúrio
Casa associada3
Símbolo zodiacalIrmãos gêmeos
Regência do corpoPulmões, braços, mãos
Signo oposto e complementarSagitário
Signos do mesmo elementoLibra e Aquário
Signos da mesma triplicidadeVirgem, Sagitário e Peixes
MitoCastor e Pólux
CaracterísticasAdaptação, comunicação, flexibilidade, leveza, movimento, troca, informação, curiosidade, inconstância, negociação, instabilidade, irritabilidade, dispersão, racionalidade, intermediação

Sagitário: liberdade e conhecimento

O signo de Sagitário, assim como Gêmeos, é dual. Mas, nele, a divisão se dá no mesmo ser – o centauro (metade animal, metade homem), o arqueiro que dispara flechas para o alto e cavalga em sua direção. É o símbolo do seu pensamento fixo nas alturas.

Sagitário é o signo das ações. Seus nativos são seres em evolução, que estão sempre buscando transformar o instinto animal em consciência, dominando-o com a razão. Representam o humano em busca do divino. É o horizonte sem limites, um ideal a ser alcançado. Enxergam o que está longe e expandem as fronteiras do universo pessoal.

Se algo parece inatingível, Sagitário prova que nada é impossível. Está associado ao conhecimento, estudos profundos, saberes, desenvolvimento da mente e filósofos. Suas buscas são incessantes e muitas vezes levam à insatisfação, tendo desafio para reconhecer o que está ao redor. Quando alcança seu alvo, já determina outro mais distante e segue.

De comportamento impulsivo, alegre e obstinado, esse signo é movido pelo risco. Gosta de aventuras e viagens como ninguém! O que importa é a jornada e não a chegada ao destino. Otimista, sua fé vem do próprio desejo de ir além e seu universo é superlativo, exagerado.

A mente sagitariana é livre e focada nas metas que estabelece. Essa inquietude pode ser a mola impulsionadora do seu crescimento ou origem de desilusão. As casas e os planetas nesse signo também mostram onde sentimos vontade de avançar e evoluir espiritualmente.

SignoSagitário
ElementoFogo
ModalidadeMutável
Regente Júpiter
Casa associada9
Símbolo zodiacalCentauro
Regência do corpoPernas, coxas, nervo ciático, glúteos
Signo oposto e complementarGêmeos
Signos do mesmo elementoÁries e Leão
Signos da mesma triplicidadeGêmeos, Virgem e Peixes
MitoO centauro Quíron
CaracterísticasDeterminação, foco, expansão, conhecimento, progresso, insatisfação, dogmatismo, abundância, abstração, reflexão, obstinação, impaciência, intolerância, alegria, otimismo

Eixo da Lei da Evolução – Gêmeos e Sagitário: interesse múltiplo com foco

Gêmeos e Sagitário são signos opostos e complementares, formando o Eixo da Lei da Evolução. A energia geminiana representa a comunicação, a troca fluida e a multiplicidade de interesses, enquanto a energia sagitariana traz expansão da consciência, abundância, obstinação e otimismo. Esse eixo fala de aprendizado, de viagens curtas para Gêmeos e longas para Sagitário.

Gêmeos, se não aprender a criar metas como Sagitário, pode dispersar e perder o foco. Por isso, deve estabelecer pequenos objetivos, sentindo satisfação ao cumpri-los e tendo força para seguir adiante. Outro conselho é encontrar pontos comuns entre seus diversos interesses, fazendo com que entrem em contato e fluam na mesma direção.

Já Sagitário deve se abrir para o que está perto e enxergar que logo ali também existem boas oportunidades, havendo felicidade na simplicidade. É importante que perceba que, às vezes, também há benefícios em se desviar da sua meta. Assim, treina o interesse múltiplo e focado.

Sagitarianos(a) também precisam aprender com Gêmeos sobre leveza e flexibilidade, compreendendo que existem inúmeros caminhos que conduzem ao que procuram. Além disso, exercitando a escuta ativa e a percepção de que os outros também podem ter razão.

Câncer: afeto e preservação

O papel de Câncer é ser arquivo, conservar e organizar as lembranças para que não se percam com o tempo. Representa as folhas amareladas do livro já lido, a geladeira que foi dos avós e ainda funciona, o travesseiro nas viagens, as doces memórias do passado.

Como o caranguejo, o signo de Câncer representa a experiência de viver em dois mundos: na terra, símbolo de estabilidade no mundo físico; e na água, o complexo universo psíquico. É a necessidade humana de construir um abrigo para se proteger e buscar segurança.

Esse processo ocorre no íntimo desse nativo, que ergue uma fortaleza que o preserva do mundo exterior, acolhendo-se e se blindando dentro da própria carapaça. Mas, por dentro, é muito sensível. Para esse signo, sua casa é um lugar de intimidade e amparo.

A energia canceriana também fala de raízes e gratidão pela ancestralidade. É na família que há a marca da nossa história e os elos de afeição. Esse signo tem a certeza no coração de que sempre tem quem apoie seus desejos e um lugar seguro para voltar e ser recebido com amor. Por isso, também é associado à maternidade e ao olhar feminino do cuidar.

Cancerianos(as) precisam de tempo para digerir o que ocorre ao seu redor e de silêncio. Suas memórias levam à imaginação, então costumam ser ótimos contadores de histórias, e as fantasias são ligadas ao passado e ao que esperam do futuro. Sonhar é viver! As casas e planetas nesse signo também mostram onde estamos mais aptos a construir sonhos.

Signo Câncer
Elemento Água
ModalidadeCardinal
RegenteLua
Casa associada4
Símbolo zodiacal Caranguejo
Regência do corpoAparelho digestivo, estômago, seios, região peitoral, útero, pâncreas
Signo oposto e complementarCapricórnio
Signos do mesmo elementoEscorpião e Peixes
Signos da mesma triplicidadeÁries, Libra e Capricórnio
MitoA Hidra de Lerna
CaracterísticasAfetividade, acolhimento, raízes, família, imaginação, intuição, lembranças, recordações, proteção, sensibilidade, indolência, melancolia, instabilidade, empatia, reserva

Capricórnio: responsabilidade e pés no chão

Objetiva e teimosa, a cabra astrológica tem uma meta a ser cumprida: chegar ao topo da montanha. Ela é o símbolo da vida e a escalada é a representação da construção de algo que estamos destinados a fazer, nossa missão de vida. Logo, a energia capricorniana representa o passo firme dessa subida triunfante, precisando de empenho e perseverança.

O signo de Capricórnio foca no resultado e sabe que, para alcançar o que quer a longo prazo, tem o tempo presente como aliado. É a manifestação da razão, prudência, deveres, estabilidade, solidez e senso de realidade, sendo a responsabilidade expressão de afeto.

Um capricorniano(a) é disciplinado, autocrítico, exigente consigo mesmo e com os erros cometidos. Para Capricórnio, menos é mais. Prefere o durável ao transitório e qualidade à quantidade. Sabe bem que nada é obtido sem esforço, ordem, regras claras e limites.

Capricórnio é associado à construção de uma carreira e à capacidade de produção. Confia no que foi planejado e, por isso, quando se compromete com algo, garante o sucesso. Por outro lado, costuma ter desafios em demonstrar sentimentos e ordenar o caos interior.

Há uma tendência a ir devagar e sempre e uma insistência para superar limitações, sendo racional e prático. A densidade da sua estrutura resiste à passagem do tempo, assim como as montanhas. Nas casas e planetas onde temos a energia de Capricórnio, quanto mais velhos e maduros, melhores nos tornamos.

SignoCapricórnio
ElementoTerra
Modalidade Cardinal
RegenteSaturno
Casa associada10
Símbolo zodiacalCabra
Regência do corpoOssos, articulações, joelho e pele
Signo oposto e complementarCâncer
Signos do mesmo elementoTouro e Virgem
Signos da mesma triplicidadeÁries, Câncer e Libra 
MitoA cabra Amalteia
CaracterísticasDeterminação, disciplina, organização, planejamento, ambição, praticidade, objetividade, dureza, frieza, rigidez, estruturação, desconfiança, realismo, estabilidade, confiança, prudência

Eixo da Eternidade – Câncer e Capricórnio: eterno presente

Câncer e Capricórnio são signos opostos e complementares, formando o Eixo da Eternidade. A energia canceriana com as memórias passadas e os sonhos futuros; e a energia capricorniana com o presente, o “aqui e agora”.

Câncer traz o poder da fantasia, dos sonhos, da afetividade e da sensibilidade, podendo sair do mundo concreto e real. Com Capricórnio, aprende que é preciso colocar as mãos na massa para tornar os desejos realidade, exercitando disciplina, firmeza, foco e praticidade.

Com esse empurrão da perseverança da cabra astrológica, o canceriano(a) sai da casca e começa a dizer não e impor limites para si e para os outros, já que são uma forma de afeto. Assim, lida com as frustrações e entende que proteção em excesso gera dependência.

Já para Capricórnio, o rigor pode ser compensado com a afetividade de Câncer. É legal fazer concessões, pois a vida fica dura demais sem afeto e ele pode ser incluído nos planejamentos. Portanto, aprende a se permitir externalizar mais os sentimentos, abandonando a ideia de que vulnerabilidade é sinônimo de fraqueza.

Quando o capricorniano(a) aprende com Câncer o hábito de observar os sonhos e abrir espaço para a ternura existir, pode se desfazer da sua armadura composta apenas pelos deveres e responsabilidades, aliviando a pressão. O bom resultado é fazer o possível!

Leão: magnetismo e comando

O signo de Leão tem como regente o Sol. Assim, é um doador de vida e, ao mesmo tempo, centralizador e organizador da ordem do sistema. Intenso ao máximo, não admite que a realidade possa ser vivida de forma simples ou trivial, mas que é merecedor do melhor.

Esse signo representa o poder e o comando associado à vontade. É a consciência de que temos nossas virtudes e do valor de ser quem somos. Ao dominar o ego, faz dele uma força de construção e criação, sem permitir que a vaidade e o orgulho se tornem fragilidades.

A energia de Leão fala de vitalidade, alegria e gratidão por estar vivo. Rei da autoestima, sabe bem da importância de se empoderar da sua singularidade e utilizar a criatividade para se mostrar como um ser único e incomparável. Autoexigente, esse nativo tem um certo desafio para se permitir errar, pois às vezes busca demais o reconhecimento externo.

Pelo signo associado ao coração, leoninos(as) costumam ser generosos. Além disso, são cheios de luz própria, magnéticos, autoconfiantes, ousados e líderes natos. Carregam o desejo de plenitude, honram suas particularidades e gostam de viver grandes emoções.

Leão também está relacionado à autonomia, coragem, empolgação, paixão e lealdade: ser leal a si mesmo e acreditar na retribuição da lealdade e valorização do outro. As casas e planetas nesse signo mostram onde somos senhores da nossa existência.

SignoLeão
ElementoFogo
ModalidadeFixa
Regente Sol
Casa associada 5
Símbolo zodiacalLeão
Regência do corpoCoração, sangue, fígado, coluna dorsal, vesícula biliar
Signo oposto e complementarAquário
Signos do mesmo elementoÁries e Sagitário
Signos da mesma triplicidadeTouro, Escorpião e Aquário
Mito O Leão de Nemeia
CaracterísticasCoragem, liderança, força, determinação, criatividade, comando, confiança, alegria, autoridade, egoísmo, individualismo, dominação, controle, energia, nobreza, generosidade, brilho, vaidade, orgulho

Aquário: originalidade e inovação

O signo de Aquário é o penúltimo do Zodíaco. Enxerga o ser humano como parte de um todo e o único responsável por enfrentar os problemas sociais e apresentar soluções. As duas ondas sincronizadas representam a vibração conjunta entre indivíduo e coletividade.

Ainda que nem todo aquariano(a) se dê conta da sua necessidade de interferir socialmente, esse signo está relacionado às grandes causas e ideais. Assim, é comum se doar ao coletivo e ser solidário. Possui força cooperativa e se movimenta coletivamente, buscando por liberdade de espírito e da mente, com o intuito de criar novos modelos de vida.

Por não dar tanta importância aos problemas de ordem pessoal, esse nativo às vezes é visto como frio e racional. Acredita que as questões de cunho social são muito maiores e devem ser priorizadas. Visionário, excêntrico e pioneiro, é o indicador de novos caminhos. A velocidade das ideias é tão rápida que pode ser impaciente com o tempo dos processos.

Aquário deixa a marca de poder brotar algo diferente do já conhecido, mexendo com preconceitos da sociedade que precisam ser transformados. Daí sua urgência em ser radical para se fazer ouvir e sua conexão com os movimentos revolucionários. Trata-se de uma energia exaltada, desobediente e com permanente desejo de renovação.

Aquarianos(as) consideram demais os amigos, já que prezam pelas trocas e assuntos em comum. Respeitam as diferenças, envolvendo-se facilmente com o que está além do ego. Nos planetas e casas em que temos Aquário, tendemos a ter desafios com o contato íntimo e nos sentir na contramão do senso comum, mas com muita intuição e forte personalidade.

SignoAquário
ElementoAr
ModalidadeFixa
Planeta regenteUrano
Casa associada11
Símbolo zodiacalAguadeiro
Regência do corpoCirculação sanguínea, tornozelos, panturrilha
Signo oposto e complementarLeão
Signos do mesmo elementoGêmeos e Libra
Signos da mesma triplicidadeTouro, Escorpião e Leão 
MitoO rapto de Ganimedes
CaracterísticasRenovação, revolução, rebeldia, inventividade, integração, cooperação, solidariedade, novidade, inovação, excentricidade, intolerância, imprevisibilidade, instabilidade, irritabilidade, sociabilidade 

Eixo do Amor – Leão e Aquário: individual e coletivo

Leão e Aquário são signos opostos e complementares, formando o Eixo do Amor. A energia leonina é o amor-próprio e, a aquariana, o amor pela coletividade. Quando unidas, tornam-se uma troca magnética, que organiza a ordem do sistema com excentricidade.

Leão pode aprender com Aquário a descer do pedestal individual e se juntar ao coletivo, sendo simples e dividindo o palco às vezes. Quando o leonino(a) se abre à coletividade, distribui sua força e é mais descompromissado, também se torna mais livre.

Já Aquário deve aprender, com Leão, a desenvolver a autoconfiança e o poder pessoal, entendendo que a vida pulsa em seu ser. E, além disso, conscientizar-se da presença do “Eu sou” e da força da individualidade, tão poderosa quanto o poder do todo.

O aquariano(a) também precisa exercitar, com a energia leonina, o ato de aquecer o coração diante das questões pessoais, trabalhando a paciência para lidar mais afetuosamente com problemas particulares e entendendo sua importância.

Nesse eixo, o essencial é aprender a ceder para o bem coletivo, ao mesmo tempo em que a força individual é mantida. Ou seja, a chave é descer do palco para participar da cena comunitária, sem deixar de honrar diariamente a nossa autenticidade. É a vida em seu movimento orgânico. 

Virgem: simplicidade e observação

O signo de Virgem é o único dos doze do Zodíaco representado por uma mulher. Portanto, simboliza o feminino, sendo associado à mãe Terra, que generosamente nos nutre. É a simplicidade da vida, a natureza em seu movimento orgânico, a multiplicidade da matéria.

A energia virginiana preza por viver de acordo com esse sistema ordenado para a preservação da vida, compreendendo o valor de cada uma das criaturas do universo. Afinal, cada uma merece ter espaço para exercer sua função da melhor maneira possível.

Virgem tem uma forte ligação com a organização, devido ao seu olhar cuidadoso, prático e atento aos detalhes. Reconhece e respeita o funcionamento do corpo e se preocupa com seu bem-estar. Seu modo de enxergar a existência é pensando na funcionalidade dela.

Uma das características mais marcantes de um virginiano(a) é sua capacidade de observação. Assim, faz as suas análises minuciosas da realidade, precisando tomar cuidado para não exagerar no perfeccionismo e na crítica  – e autocrítica.

Esse é o mais pragmático dos signos do Elemento Terra, pois precisa ver para crer. Separa o joio do trigo, apresentando uma realidade clara, metodológica, simples e sempre possível de ser aprimorada. Tem forte ligação com a produção artesanal, o cotidiano e a rotina.

SignoVirgem
ElementoTerra
ModalidadeMutável
Planeta regenteMercúrio
Casa associada6
Símbolo zodiacalMulher
Regência do corpoIntestino delgado, abdômen, glândulas suprarrenais, absorção dos nutrientes, pâncreas, baço, útero 
Signo oposto e complementarPeixes
Signos do mesmo elementoCapricórnio e Touro
Signos da mesma triplicidadeGêmeos, Sagitário e Peixes
MitoO exílio de Astreia
CaracterísticasOrganização, crítica, pragmatismo, meticulosidade, perfeccionismo, praticidade, simplicidade, classificação, análise, observação, comprovação, intolerância, diversidade e eficiência

Peixes: sensibilidade e intuição

Em Peixes, tudo está conectado. O último signo do Zodíaco é representado por peixes nadando em direções opostas, unidos por um cordão. Paradoxalmente, trata-se do fim que encontra o começo. Há uma compreensão dos opostos para a harmonia, uma busca pela conexão com o todo e o bem-estar da alma, um afinamento com o fluxo universal.

O signo de Peixes fala de mistura, caos, unidade, sonhos e fantasias. Traz as energias da totalidade, síntese e sensibilidade. Como um radar que capta o inatingível e o indizível, revela o que os olhos não podem enxergar. Esses nativos ficam tão imersos no sutil e no próprio interior que, às vezes, se desconectam da realidade, por isso a fama de distraídos.

Com uma mente fértil e postura mágica, Peixes é tido como o signo que mais se relaciona com a espiritualidade. Intuitivo e empático, é sensível às atmosferas, absorvendo energias. É o “crer para ver”. Pode se esquecer de si para se envolver com o outro e seus desejos.

Muitas pessoas subestimam o poder dos piscianos(as) devido à personalidade mais calma e doce, assumindo que são passivos. Entretanto, quando acreditam em algo, perseguem seu objetivo até alcançá-lo, do seu jeito único e especial – mesmo que ninguém acredite naquilo. Seu poder criativo e artístico é imenso, pois se refugiam no mundo da imaginação.

Os sonhos são o alimento espiritual do pisciano(a), que precisa do próprio espaço recluso e tempo para se recarregar. Nas casas e planetas em que temos esse signo, é coerente que nos sintamos incompreendidos e “obrigados” a mergulhar no mais profundo do nosso ser.

SignoPeixes
Elemento Água
ModalidadeMutável
Planeta regente Netuno e Júpiter
Casa associada12
Símbolo zodiacalDois peixes nadando em direções opostas, ligados por um cordão
Regência do corpoPés e sistema linfático
Signo oposto e complementarVirgem
Signos do mesmo elementoCâncer e Escorpião
Signos da mesma triplicidadeGêmeos, Virgem e Sagitário
MitoO casamento de Anfitrite
CaracterísticasSensibilidade, intuição, receptividade, sonhos, fantasia, poesia, caos, desorganização, inspiração, silêncio, profundidade, reflexão, contemplação, confusão, nebulosidade, absorção

Eixo da Purificação e da Sabedoria Universal – Virgem e Peixes: sonhos organizados

Virgem e Peixes são signos opostos e complementares, formando o Eixo da Purificação e da Sabedoria Universal. A purificação virginiana acontece por meio da rotina, organização e afazeres do dia a dia, com a repetição levando à perfeição. Já a sabedoria universal é a contribuição pisciana, trazendo a energia de conexão, síntese e unidade.

O perfeccionismo de Virgem pode gerar angústia, já que está sempre ocupado e atento aos detalhes. Esse signo precisa se inspirar em Peixes para se dar momentos de paz, pois o pisciano(a) confia que é possível lidar com o imponderável e crê em uma ordem cósmica.

Virginianos(as) também devem prestar atenção ao seu olhar muito crítico e procurar compreender a realidade do outro. Exercitar a sensibilidade é fundamental, pautando essa análise criteriosa no amor universal e ampliando o olhar para o todo. O erro é aprendizado e esse entendimento se dá com a energia pisciana iluminada, que é a misericórdia em ação.

Já Peixes pode escapar dos fatos e se refugiar no mundo da fantasia, idealizando e romantizando tudo e todos. Assim, precisa aprender com os virginianos(as) a estabelecer um elo com a realidade, praticidade e organização, fincando mais os pés na terra.

Quando consegue ter disciplina, o pisciano(a) pode se tornar mais objetivo e capaz de ordenar seu caos interno. Além disso, se tiver capacidade de autocrítica, aceita melhor suas falhas e passa a entendê-las como parte essencial e indispensável da sua personalidade.

Quer descobrir em qual área da sua vida cada signo está presente? Encomende seu Mapa Astral Digitalizado, interpretado pela Cláudia Lisboa, aqui!