signos-complementares

Entender as luzes e sombras de Gêmeos e Sagitário é parte do processo de compreensão sobre os signos. Afinal, o eixo complementar no mapa astral permite um entendimento maior sobre características pessoais e também sobre aquilo que falta, que precisa ser desenvolvido.

Então, vem descobrir tudo sobre o tema agora mesmo!

Luz e sombra de Gêmeos e Sagitário

Primeiramente, é válido destacar que os signos funcionam em pares, sendo complementares. Mesmo que tenham suas individualidades. Mais importante que isso, é entender que não existem defeitos ou qualidades, uma ideia que não é associada aos signos.

Aqui definimos isso tudo como luz ou potência e sombras, que apresentam esses indivíduos e a maneira como eles são compreendidos pelo mundo.

Assim, o signo que está na luz é aquilo que está mais a frente, a vista dos demais. Enquanto que aquilo que “falta”, é o signo que está na sombra.

Para começar, Gêmeos é o signo da multiplicidade, representado por dois irmãos, como uma forma de ver que a vida é dual. Em outras palavras, que sempre existem dois lados: bom e mau, yin e yang, feminino e masculino, sentimentos opostos, dia e noite, claro e escuro e assim por diante.

Sendo assim, é um universo que tem oposições e polaridades, o que garante movimento.

Então, Gêmeos é mudança, movimentos e que a vida é rica de possibilidades, que sempre existem outras a serem alcançadas, trocas e oportunidades. Justamente por isso, é um signo relacionado a informação, que garante essa troca e amplitude.

Por outro lado, Sagitário é o signo representado pelo centauro: meio cavalo, meio humano. Assim, tem a ver com os instintos, com as coisas que são percebidas pelos impulsos, pelo instinto animal, ligado a natureza.

Mesmo que, ao longo dos anos, parte desse instinto tenha se perdido. Sagitário representa essa raiz que não é eliminada. Da mesma maneira, a parte humana do centauro é uma maneira de representar a linguagem, a compreensão através da razão, da busca do que é abstrato, do crescimento.

Assista ao vídeo: O conceito Luz e Sombra

Como acontece esse eixo complementar no zodíaco?

Enfim, o eixo de Gêmeos e Sagitário é o terceiro eixo complementar do zodíaco e chamado de eixo do aprendizado. A complementação desses signos se dá através daquilo que falta em cada um deles, de forma individual.

Gêmeos, por exemplo, tem uma ideia de não conseguir sempre manter a razão, o Norte daquilo que precisa fazer. Como um sujeito que precisa trocar uma lâmpada, faz outras dez coisas e a lâmpada não foi trocada.

Ao mesmo tempo que o Sagitário é aquele que não olha para os lados, que fica focado unicamente em uma coisa, deixando escapar outras coisas.

Sendo assim, Sagitário complementa Gêmeos porque traz essa força de definir metas, um caminho a ser seguido, para conseguir lidar com a multiplicidade.

Gêmeos complementa Sagitário porque abre as portas das possibilidades, para que o sujeito não fique unicamente focado e consiga enxergar as outras coisas que estão pelo caminho. Para não deixar de olhar o que está ao alcance ou aquilo que já estava ali, mas camuflado.

Assim, a energia de Sagitário pode percorrer vales e montanhas e viajar pelos quatro cantos do mundo em busca de respostas para perguntas cada vez mais complexas. Todos estes lugares, paisagens e afins apontarão sempre para o mesmo alvo: a nossa maior viagem, que é a que fazemos para dentro de nós mesmos e onde as respostas de que precisamos estão prontas para ser desvendadas.

Assista também: Os Signos Mutáveis: Gêmeos, Virgem, Sagitário e Peixes


Encomende o seu Mapa Astral Completo

E se você pudesse conhecer e compreender melhor as suas potências e desafios, podendo explorar seus talentos e desenvolver aspectos não tão fluentes da sua personalidade? O seu Mapa Astral traz tudo isso e muito mais…

Destaques do Blog

Ver todos